fbpx

Como trazer sua empresa para o online e vender melhor virtualmente

Como trazer sua empresa para o online e vender melhor virtualmente

Embora a internet já seja nossa fiel escudeira há um bom tempo, estamos sentindo na pele a necessidade da virtualização das empresas em 2020. O que parece novidade e um passo incerto para seu negócio, pode ser, na verdade, uma ótima forma de inovar processos, reduzir custos, encurtar distâncias e aumentar as vendas.

Nós somos suspeitos para falar: desde 2014 trabalhamos de forma 100% virtual, com um time remoto espalhado pelo globo e processos que não incluem papéis impressos (oi, meio ambiente!). E sempre funcionou muito bem. Por isso, somos fiéis incentivadores de empresas em formatos online: é mais sustentável, mais prático e abre um mundo de oportunidades. Mais do que isso, nos dias de hoje, trazer a sua empresa para o mundo virtual é necessário!
 

Com esse avalanche de acontecimentos deste ano, esse processo pode parecer mais complicado do que de fato é. Fique tranquilo! Separamos 7 dicas de ouro que vão te ajudar nessa transição e no futuro da sua empresa no ambiente digital. Tome nota:

01

Construa sua mensagem

Sobre o que você quer falar quando fala sobre sua empresa?

A construção da mensagem é o ponto de partida para qualquer negócio, seja online ou offline. É nesse processo que você revê seus valores, seus planos, seus objetivos a longo prazo e cria uma mensagem que transmita a sua verdade e conte sobre você e seu negócio. Além disso, é hora de pensar como você quer que seu cliente se sinta quando entra em contato com a sua empresa.
 

02

Alinhe seu conteúdo ao seu conceito

Com uma mensagem forte criada, a segunda etapa, então, é a produção de conteúdo. Uma vez que você já entendeu o que falar, essa é a hora de entender como falar, definir as plataformas, e a estratégia de comunicação.

Certifique-se de que sua comunicação está alinhada com a mensagem construída por você, isso é, que seus posts nas redes sociais transmitam exatamente seu conceito, seus valores e sua verdade.
 

03

Seja onipresente

E falando em redes sociais, seja onipresente! Não foque todas as suas energias em uma só rede social e explore as vantagens e os potenciais de cada plataforma. Que tal mostrar-se presente enviando newsletters para os seus seguidores? Já pensou em produzir vídeos para o Youtube? Será que seu público não está mais presente nos grupos do Facebook? Por que não experimentar o Tik Tok?

Com o tempo, você entenderá o que funciona melhor ou o que não funciona para a sua estratégia e seu tipo de negócio, mas essa pesquisa é fundamental para entender seu público, criar conteúdos mais inovadores e, claro, estar sempre presente e ser lembrado pelo seu potencial cliente.
 

04

Tenha um blog

Esqueça a ideia de que blog é coisa do passado (olhe nós aqui!). Um blog é uma ferramenta super poderosa para aprofundar os temas trabalhados nas redes sociais, além de ser uma boa forma de demonstrar (e distribuir) o seu conhecimento. Pode ser difícil criar conteúdo no começo, mas é o momento ideal para praticar, experimentar e até convidar pessoas relevantes no seu mercado para colaborarem com o conteúdo do seu blog.

Outra vantagem de manter um blog ativo é a dinamização do conteúdo. Ter um site dinâmico, com conteúdos periódicos e atuais, torna-o mais relevante – para seu cliente e para o google, que dá prioridade aos sites cujo conteúdo é atualizado com frequência.
Não se esqueça de compartilhar seus posts nas redes sociais para criar conversas e engajamento em torno dos temas trabalhados por você.
 

05

Faça uma conversa de prospecção

Nos negócios “offline”, estamos acostumadas com a abordagem dos vendedores, uma prospecção mais pessoal e o “olho no olho” que facilita muitos processos de venda. No mundo virtual, seu site e suas redes devem fazer essa conversa por você.

O objetivo principal do seu conteúdo é, justamente, fazer com que seu potencial cliente se identifique com a sua mensagem e, assim, possibilite a criação de um relacionamento entre ele a sua empresa. Por isso, busque sempre ouvir e entender as necessidades do seu público para alinhar seu conteúdo com o seu processo de vendas, e, embora seja importante buscar novas pessoas interessadas, foque, em um primeiro momento, nos seguidores que já têm afinidade com você e com a sua mensagem. Vender para quem já nos conhece é uma forma de otimizar tempo e trabalho e aproveitar – e reforçar – esses relacionamentos que já foram criados.
 

06

Não desperdice seu dinheiro

Anúncios pagos no instagram ou no facebook são uma ferramenta que pode trazer bons resultados para seu negócio, mas pode não ser a hora de investir seu dinheiro neles.

Antes de tudo, é essencial testar seu conteúdo de maneira orgânica para entender o funcionamento e a aderência dele em relação ao seu público. Se o resultado for bom, avalie seus objetivos com um possível anúncio – o que você espera que ele traga como resultados?

Nós, por exemplo, usamos essas estratégias em campanhas de vendas, em que há uma previsão de retorno financeiro, que pagará o custo dos anúncios. Em uma campanha de awareness, por exemplo, às vezes vale mais à pena manter o seu conteúdo orgânico – assim você evita gastos desnecessários de dinheiro.
 

07

Apareça

Por trás das redes sociais há pessoas, e você é a sua marca. Deixe a timidez de lado e, literalmente, dê as caras! Apareça nos stories do instagram, organize lives e vídeos. Mostre quem você é e conte a sua história – a identificação é uma forma muito eficaz de criar um relacionamento com clientes e pessoas interessadas no seu produto ou serviço. Você pode ter algumas dificuldades no começo, mas com o tempo você pegará o jeito.

O segredo das redes sociais é ver e ser visto. Pratique!

Conte para nós suas experiências com a inserção da sua empresa no mundo online. Quais são, na sua opinião, os pontos positivos dessa mudança (que já não é tão nova assim), e quais você considera as principais complicações?

Por mais que pareça incerto, o ambiente online é o mais seguro e perene nos dias de hoje, e levar seu negócio para o mundo virtual pode trazer diversas oportunidades e vantagens para seus custos, sua produtividade, seu alcance, etc.
 

Vale a pena dedicar-se a esse processo!

compartilhe:


Entre na conversa!

Deixe seu comentário ▽

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *