fbpx

As 7 leis espirituais do sucesso: como aplicá-las ao seu negócio?

As 7 leis espirituais do sucesso: como aplicá-las ao seu negócio?

“As 7 leis espirituais do sucesso” é um dos livros mais populares do médico e escritor Deepak Chopra, conhecido mundialmente por seus discursos e obras sobre medicinas alternativas e espiritualidade. Como sugere o nome, o livro ensina os sete passos essenciais, segundo o autor, para transformar nosso modo de viver e atrair o sucesso genuíno, seja pessoal ou profissional.

Sempre falamos por aqui aqui sobre como o seu bem-estar mental pode influenciar no sucesso do seu negócio, e vice versa. Ou seja, buscar o equilíbrio entre todos os aspectos da sua vida é a chave para atingir o que você deseja. E a espiritualidade (veja bem, não confunda com religião!) é um poderoso aliado nesse processo.
 

Embora o nome pareça complexo, as leis podem (e devem) ser aplicadas nas situações mais comuns do nosso cotidiano. Fizemos um breve resumo sobre cada uma delas, para que você comece a aplicá-las hoje mesmo no seu dia a dia e no seu negócio. Prepare as anotações!

01

Lei da potencialidade pura

A primeira lei de Deepak Chopra diz respeito à nossa essência: quem nós realmente somos. O que você responde quando te perguntam ‘quem é você’? Sua resposta inclui sua profissão, seu cargo ou as coisas que você tem? Se sim, você provavelmente está deixando que o seu ego responda por você.

O ego carrega consigo as ambições materiais, o medo e as disputas, enquanto nossa essência busca aquilo que nos nutre e equilibra verdadeiramente. Através da primeira lei, então, o autor busca desmistificar e dissolver o conceito de ‘ego’, ou seja, a nossa percepção sobre nós mesmos a partir do mundo exterior, para que possamos acessar o nosso verdadeiro ‘eu’.

Em outras palavras, a lei da potencialidade pura fala sobre autoconhecimento, e como é importante mergulhar em si mesmo para entender nossas reais necessidades, nossos sentimentos e nossas intenções. Já falamos bastante disso por aqui, certo?

Para aplicá-la, a melhor recomendação é o silêncio. Reserve, todos os dias, alguns minutos para ficar sozinho em meditação, ouvindo apenas o que vem de dentro. Se precisar, aqui vai uma lista de apps que podem te ajudar. Se puder, entrar em contato com a natureza também é uma excelente forma de se conectar com seu ‘eu’ interior.
 

02

Lei da doação

A segunda das sete leis discursa sobre a importância de doar de forma desinteressada, ou seja, sem esperar nada em troca. Segundo o livro, quando esperamos alguma retribuição ou reconhecimento através das nossas doações, elas perdem seus valores.

Por isso, procure doar todos os dias: conselhos, sorrisos ou cafés. Ainda que sem esperar retorno, dê tudo aquilo que deseja receber: quer amor e gentileza? seja amoroso e gentil com aqueles ao seu redor. No lado profissional, você busca riqueza e bens materiais? Garanta, então, que você possa ajudar as pessoas a atingirem prosperidade material também.
 

03

Lei da causa e efeito (Karma)

E embora as doações devam ser desinteressadas, a energia de entrega sempre retorna para você. É o famoso karma. E é disso que fala a terceira lei de Chopra.

Tudo que vivemos é consequência das nossas escolhas, e tudo que viveremos no futuro será reflexo das sementes que plantarmos hoje. É claro que não temos controle de tudo que pode acontecer no mundo, mas, salvo eventos de força maior, nós podemos, sim, ter controle de como os acontecimentos impactam nossa vida.

Por isso, procure sempre pensar nas consequências daquilo que você faz, para você e para as pessoas ao seu redor. Busque estar sempre tranquilo sobre suas decisões e atitudes: o karma não existe só nas experiências negativas!
 

04

Lei do mínimo esforço

Não, não é sobre preguiça que Deepak fala na quarta lei! O mínimo esforço consiste, apenas, em não gastar energia com coisas que não temos controle. Sobre aplicar a aceitação.

Segundo o autor, a ansiedade em relação aos eventos e situações da nossa rotina são impulsionadas pelo ego, que quer encontrar todas as respostas e soluções para todos os problemas – e muitas vezes vê como solução culpar tudo e todos ao nosso redor.

Por isso, a aplicação da quarta lei deve ser relacionada à assumir a responsabilidade necessária para resolver seus problemas, e aceitar aqueles que não dependem de você. Isso vale também para nossas reclamações cotidianas: a chuva, a conexão lenta, a fila do mercado… Que tal aceitar tudo isso e liberar sua mente desses, que na verdade nem são problemas?
 

05

Lei da intenção e desejo

O que você tem feito para atingir seus objetivos? Eles parecem impossíveis para você?

Segundo o livro, tudo é possível no campo das possibilidades, mas devemos manifestar e trabalhar por aquilo que desejamos. O segredo do sucesso aqui é a união entre atenção e intenção, ou seja, fazer com que suas metas e ações caminhem juntas, para, assim, realizar todos os seus sonhos – por mais impossíveis que eles pareçam.

Experimente transformar esses sonhos em objetivos e monte seu planejamento. O que você precisa para chegar lá? Você se sente preparado? Escreva seu plano de ações detalhado para enxergar e executar esse processo com mais clareza.
 

06

Lei do distanciamento

Uma vez que você entende seu objetivo, cria seu plano de ações e começa a trabalhar por ele, é hora de se distanciar do seu objetivo. Sim! Não significa deixá-lo de lado, mas focar no aqui, agora, em vez de viver em função da sua realização.

Muitas vezes voltamos nossa atenção ao futuro. Ao que pode acontecer, ao que queremos que aconteça, aos nossos planos… Mas, como falado na terceira lei, o nosso futuro – isso é, o que está ao nosso controle em relação a ele – depende do que fazemos hoje.

Além disso, o momento presente traz diversas possibilidades, momentos e aprendizados que serão cruciais para as nossas realizações futuras. Por isso, por maior que seja seu desejo de que algo se concretize, não tire sua atenção do ‘agora’. Foque em tudo que você pode realizar hoje para que seu futuro seja exatamente como você planejou.
 

07

Lei do dharma ou propósito

Encontrar seu propósito significa descobrir a sua verdadeira missão. Aquilo que você ama fazer e que, ao mesmo tempo, pode gerar benefícios para você e para aqueles ao seu redor. Essa aqui nós tiramos de letra, certo? Quem empreende com afeto sabe muito bem como aplicar a sétima e última lei do livro de Deepak Chopra. Basta, agora, praticá-la junto as outras!
 

Você já tinha ouvido falar sobre as Sete Leis Espirituais do Sucesso? Como você as aplica no seu dia a dia? Caso você ainda não tivesse, antes deste post, vale a pena agora conhecer essa e outras obras de Deepak Chopra, que te ajudarão a equilibrar sua vida a partir das suas perspectivas e de pequenas atitudes do dia a dia. Depois me conta o que achou!

compartilhe:

Um comentário em “As 7 leis espirituais do sucesso: como aplicá-las ao seu negócio?

Entre na conversa!

Deixe seu comentário ▽

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *